O que o trabalho remoto pode dizer sobre você e sua equipe?

Gestão e Liderança
O que o trabalho remoto pode dizer sobre você e sua equipe

O trabalho remoto é uma tendência para o futuro, e já vinha crescendo nos últimos anos, ou seja, independentemente da crise que estamos vivendo com o COVID-19. Uma pesquisa realizada pelo Instituto Gallup, em 2016, apontou que 43% da força de trabalho nos Estados Unidos trabalharam remotamente por pelo menos parte do tempo naquele ano. Os últimos dados dão conta que, em abril deste ano, 62% dos americanos estavam trabalhando remotamente. 

Quando a pandemia acabar e pudermos voltar ao escritório e ambientes compartilhados, poderemos experimentar uma nova perspectiva, que engloba todos os aprendizados que vivenciamos nesse momento.

Comunicação gera engajamento

Com os colaboradores instalados em locais diferentes, é preciso ter atenção redobrada em relação à comunicação. A comunicação costuma ser um dos principais desafios no exercício da liderança. E costuma ser a razão da falta de engajamento em muitas equipes. O trabalho remoto exige que o líder dedique ainda mais tempo às pessoas. 

Faça isso com intenção, reserve espaço na agenda e interaja virtualmente. Muitos líderes sentem-se sobrecarregados com as tarefas operacionais ou reuniões que, muitas vezes, não são produtivas. Analise o que pode ser delegado e dedique tempo para se comunicar com o seu time de maneira efetiva.

Autonomia e delegação

Se delegação e autonomia representavam uma dificuldade no ambiente compartilhado, no ambiente virtual esses “monstros” vêm à tona. Uma equipe remota será tão produtiva quanto independente para realizar o seu trabalho. É preciso deixar claro quais são as prioridades e dar espaço para que as pessoas desenvolvam seu trabalho. Objetivos e metas claras geram uma boa contribuição. 

Atenção ao microgerenciamento e à necessidade de controle excessivo. Essa atitude prejudica o trabalho da equipe, comprometendo a produtividade e, também, o engajamento.

Ritmo e autogestão

Muitos de nós sentimos muita dificuldade de lidar com a organização do trabalho que precisa ser executado ao longo do dia. O ambiente compartilhado proporciona uma grande ajuda nesse sentido, pois costumamos nos ancorar uns nos outros; e, assim, os momentos do dia vão sendo marcados.

Quando estamos atuando remotamente, precisamos marcar o ritmo com consciência. Há muitas dicas sendo divulgadas, mas as que realmente funcionam para mim é ter cuidado com as distrações e ter clareza sobre o que preciso realizar. Ferramentas que suportam a gestão de tarefas podem oferecer uma importante contribuição, e muitas delas podem ser utilizadas gratuitamente, como Trello, Asana e ClickUp. 

Estabeleça acordos

É muito importante estabelecer acordos com o time. Quais são os horários em que todos estarão disponíveis on-line? Como respeitamos o tempo de descanso do outro? De que forma e em quais momentos compartilharemos os aprendizados e as dificuldades com o novo modelo de trabalho? 

Enfim, construa de maneira colaborativa, os acordos que podem facilitar o trabalho em equipe e certifique-se de que haja alinhamento entre todos os membros. Lembre-se de deixar esses acordos publicados e disponíveis para todos.

Os obstáculos que surgem com o trabalho à distância, provavelmente, não são novos, mas estavam ofuscados pela possibilidade de compartilhamento do espaço. Uma sugestão é lidar com todos eles com foco nos aprendizados que se obtêm a partir deles e no que pode ser melhorado. O “novo normal” pode representar um ambiente de trabalho muito mais feliz e produtivo.

Quais têm sido os seus aprendizados neste período?

Leia mais artigos no Blog:

https://www.fabianamello.com.br/5-passos-no-caminho-para-a-autogestao/

https://www.fabianamello.com.br/como-voce-faz-a-gestao-do-seu-tempo/

https://www.fabianamello.com.br/10-ideias-para-melhorar-sua-vida/

Últimas Atualizações:

Menu